O Feiticeiro da Montanha de Fogo – Expansão

feiticeiroNão, isto não é uma resenha sobre o livro. Ele tem poucos defeitos e quem quiser saber mais pode ler a resenha criada pelo RPG Planet.

Este artigo é uma adição ao livro, ou seja, antes de mais nada você PRECISA comprar o livro Feiticeiro da Montanha de Fogo para jogar. Pode ser em qualquer loja de RPG, grande livraria ou ainda na D3 Store.

Errata

Vamos começar por uma pequena correção, sem a qual é impossível você fechar o jogo. Acredito que a Jambô ainda não tenha lançado errata oficial, mas anote aí esta: No versículo 249 do livro, substitua a opção 204 por 304.

Ficha de Personagem

Não me diga que você estava pensando em rabiscar o seu livro? Não! Guarde ele com carinho, outros podem usá-lo. Para anotações utilize a ficha disponível no site da Jambô (rodapé da página), faça download e imprima =)
Ficha de Personagem

Regra Alternativa de Atributos

Um dos fatores que o Tchelo do RPG Planet criticou em seu site foi que, dependendo de sua sorte, a aventura se tornará fácil demais, ou extremamente perigosa. Desta forma, a sua sorte (ou azar) inicial influenciará de maneira muito dura durante todo o jogo, quando seria mais emocionante se dependesse de cada batalha. Se você também acredita nisso, seus problemas acabaram. É só usar as seguintes regras:

Regra alternativa para definir ENERGIA – regra original na página 9

Role um dado, some 16 ao resultado para definir Energia.

Regra alternativa para definir quem feriu o outro – regra original na página 10

1. Role quatro dados para a criatura. Some à Habilidade dela. Este total é a força de ataque para a criatura.
2. Role quatro dados para você. Some à Habilidade de seu personagem. Este total é sua força de ataque.
3,4,5,6 e 7- permanecem inalterados.

Mapa, item adicional para aventura

se aceitar a proposta, clique para ampliar

se aceitar a proposta, clique para ampliar

Se você deseja usar esta regra, faça seu personagem naturalmente mas, antes de sair da cidade e ir para a montanha, você é abordado por um sujeito estranho, um velho anão e ele diz:

– Olá, forasteiro! Eu me chamo Gulthur e sou um sobrevivente daquelas montanhas. É, dizem que sou. Mas eu tenho a única coisa que consegui tirar de lá, e esta coisa fica bem aqui -ele aponta para a própria cabeça – em minha cabeça. E com ela eu escrevi este mapa -ele abre e fecha em seguida. – Não! Ele será seu se você me der esta poção mágica que você comprou. E então, quer levar o mapa?

Se você desejar levar o mapa, terá que deixar a poção. Você não tem idéia se o mapa é verdadeiro, se ele é uma farsa, ou quanto ele poderá te ajudar ou atrapalhar. A escolha é sua. Se ficar com o mapa risque a poção de seu inventório.

One Comment

  1. Posted 26 de agosto de 2009 at 22:31 | Permalink

    Artigo muito bacana!

Post a Comment

Your email is never shared. Required fields are marked *

*
*